Pare de achar tudo normal!

Diariamente lutamos para que a nossa saúde física e mental se mantenham em dia.

Nos alimentamos e forma saudável, meditamos e praticamos atividades físicas.

Se podemos, ficamos em casa. Caso contrário, respiramos fundo e enfrentamos nossos medos de cabeça erguida.

Mas até quando? Será que nossa vez de ser a próxima vítima está próxima?

Não dá pra silenciar. Não dá para ligar no jornal e todos os dias e vermos o número de pessoas morrendo por mãos humanas aumentando desenfreadamente.

images (8)• Desde o começo da pandemia o número de mulheres que sofrem violência doméstica aumentou 44,9% somente no estado de São Paulo, segundo Agência Brasil.

images (7)• João Pedro de apenas 14 anos, um menino, morreu vítima de uma bala perdida dentro de casa. Mais um dentre tantos que morrem dessa mesma forma ou nas ruas vítimas de bandidos e polícias.

images (6)• Mais um homem, negro, George Floyd, repete a história de tantos outros negros que são discriminados, agredidos e mortos por todo o mundo.

Isso é um pouco do que vemos. Fora as pessoas que morrem de fome, frio, pelas drogas… de forma invisível se vão sem tempo de se despedirem.

Ou aqueles que no silêncio de suas próprias mentes muitas vezes adoecidas e desconhecidas se deixam ir…

Não dá pra silenciar. Precisamos parar de achar tudo isso normal. De trocar de canal com a desculpa é sempre a mesma.

Está passando da hora de gritarmos por justiça e igualdade independe de raça, credo ou situação social.

O mundo está doente e nós estamos adoecendo junto com ele.

Onde está nossa compaixão e misericórdia?

Por qual caminho estamos nos deixando levar?

Volta! Vamos manter nosso olhar em unidade e quem sabe diante de tanta dor aprender a lutar por aqueles que ainda não sabem como.

Vamos em frente por negros, mulheres, brancos, obesos, crianças e tantos outros que precisam de nós.

Juntos somos mais (e se nos esforçamos podemos ser melhores).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s