Inspirações

Decepção não vai pra rede

Hoje quero partilhar uma coisa muito importante com vocês: a minha primeira frustração aqui em Portugal.

Pois é, na mudança tudo é novidade. Pensamos em quanta coisa fotografar para postar nas redes sociais e contar quanta coisa massa tem no seu novo habitat.

E isso não é errado. Eu mesma sou daquelas que gosta de contar histórias e incentivar as pessoas com boas notícias.

Mas para isso acontecer você precisa entender que não é só de dias bons que vivem aqueles que se aventuram.

Existem burocracias, leis, padrões a serem seguidos, que na maioria das vezes são completamente diferentes dos seus. Existe saudade, tristeza e mudança de temperatura.

Tudo isso junto pode gerar grandes frustrações e se não nos apegarmos a algo maior, ai pronto. Tudo vai por água abaixo.

Tive poucas frustrações na vida, talvez porque nunca fui de depositar muitas expectativas em algo, mas vir para Portugal foi diferente.

Era um sonho. E atravessar o oceano para estar aqui foi um grande passo.

No entanto, quando cheguei vi que de fato não era tão fácil como parecia na internet.

De cara tive que enfrentar as burocracias para as primeiras documentações. Na minha mente seria relativamente fácil e eu conseguiria resolver logo na primeira semana.

Porém a primeira semana passou e eu continuava aqui sem nenhuma documentação. Sem poder trabalhar, alugar algo ou conseguir os descontos nas compras.

Para aqueles que escondem bem a ansiedade como eu, esperar é algo um tanto desesperador.

E olha que eu tenho trabalhado bem esse meu lado.

No entanto, foram nãos e mais nãos e no meu íntimo uma frustração. E ai aprendi que para a frustração passar precisamos encara-lá cara a cara.

Aposto que você também já se frustrou com algo e veio aquela vontade de recuar ou até uma pontinha de arrependimento.

Mas te digo. Não pare no primeiro obstáculo, ele é que vai te mostrar que você é mais forte do que parece.

No meu caso foi assim. Depois do não, respirei fundo, conversei com Deus e montei uma estratégia mental para continuar.

Fiz alguns contatos, contei com a ajuda de amigos e conheci pessoas que me ajudaram a encarar a primeira frustração.

Finalmente, estando há 2 semanas aqui em Portugal consegui tirar o primeiro documento.

Tá eu sei que algumas pessoas vão dizer que é pouco tempo para muito mimimi.

Mas garanto que passar por isso longe do seu país e das pessoas que ama não é nenhum pouco fácil.

Coração mais aliviado, mas a consciência bem sabe que ainda falta muito pra seguir.

E porque estou contando isso agora?

Para te mostrar que a vida não são só flores, filtros e posts nas redes sociais. Tem muita coisa em jogo e se não focarmos em algo a tendência é ir aonde o vento te levar.

Se posso te falar algo. Vá sempre em frente!

Se caiu, se decepcionou, machucou. Saiba que é aprendizado. Dali para frente é luta, confiança e fé.

E isso eu tenho aprendido aos montes por aqui.

Mas agora quero saber de você. Também passou por alguma frustração? Como fez para a dar a volta por cima?

Deixa ai nos comentários e vamos aprender juntos a seguir em frente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s